Golpe do falso emprego no Piauí causou prejuízo de R$ 350 mil, diz delegado Odilo Sena

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

O delegado Odilo Sena, do 6º Distrito Policial, comentou detalhes sobre a Operação Vaga Falsa que prendeu o vice-presidente da Câmara de Nazária, Cícero Rocha.

O delegado do 6º Distrito Policial, Odilo Sena, relatou em entrevista ao site Viagora detalhes sobre a Operação Vaga Falsa, que prendeu o vice-presidente da Câmara Municipal de Nazária, Cícero da Silva Rocha, por suspeita de aplicar golpe do falso emprego. O grupo criminoso envolvido teria causado um prejuízo estimado de R$ 350 mil.

Delegado Odilo Sena

De acordo com o delegado, o grupo tinha como objetivo roubar dados sensíveis de pessoas que estava desempregadas para fazer empréstimos e comprar carros. A polícia conseguiu identificar o grupo após denúncias de pessoas que tiveram seu nome sujo devido dados pessoais utilizados ilicitamente pelos suspeitos, bem como de empresas que alegaram ter sofrido golpe.

“Bom, nós somos procurados por várias vítimas e elas relataram que tiveram o nome sujo através de um contrato que eu nunca fizeram. Então nós questionamos se a pessoa teria entregado seus dados para alguém até chegar à pessoa que prometia emprego. As empresas também nos procuraram relatando prejuízos”, pontuou.

Odilon explicou ainda que o papel do vereador no esquema seria o de conferir legitimidade às vítimas, pois elas acreditavam que Cícero Rocha teria a influência necessária para conseguir o emprego.

Vereador Cícero Rocha

“A gente juntou as peças do quebra cabeça e descobrimos que isso se tratava de um crime. O vereador era uma dessas peças fundamentais, pois ele emprestava a moral e  as pessoas que entregavam seus dados, suas qualificações, suas identificações, porque eles acreditavam que o vereador que era a pessoa que conseguiria esse emprego”, pontuou.

Com a promessa de emprego, as pessoas forneciam os dados que posteriormente eram manipulados pelo grupo para utilização de forma ilícita causando prejuízos que devem ir muito além do que o valor estimado, isto porque cada contrato firmado com locadoras de veículo será analisado e representa um crime.

“A princípio o prejuízo estimado é em torno de 300 a 350 mil, mas acreditamos que seja muito mais porque são vários contratos, pois cada contrato é um crime consumado. Nesse primeiro momento temos três contratos onde o vereador se envolve diretamente e outros cinco ou seis contratos que ainda vamos investigar”, pontuou. 

Em relação aos danos causados, o delegado apontou que o golpe atingiu três principais vítimas. “Então nós temos três prejuízos: as pessoas físicas, aquelas pessoas que emprestam, que dão seus dados, nós temos as empresas, empresas de revenda, que perdem seus veículos e temos também os bancos que tomam prejuízos bastante consideráveis”, pontuou. 

Além do vereador, a polícia também prendeu outras duas pessoas, em Teresina e na região de Floriano.

Gleison Fernandes
Gleison Fernandeshttps://portalcidadeluz.com.br
Editor Chefe do Portal Cidade Luz

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Novos pontos de descanso em rodoviárias federais para motorista estão previstas em 2025

A portaria que cria a política pública foi publicado no diário oficial na sexta (19). Novos pontos de descanso para...

Pré-candidata a prefeita de Landri Sales destaca origem política e projetos em entrevista exclusiva à Rádio Cidade Luz

Adriana Sá destacou sua origem política, projetos para Landri Sales e comentou sobre o rompimento do atual prefeito com...

Mussoline Guedes destaca pioneirismo do Piauí no uso de IA em encontro de secretários de comunicação

O coordenador participou do 4º Fórum Nacional das Secretarias Estaduais de Comunicação, em Belém do Pará. O coordenador de Comunicação...

Rafael Fonteles anuncia parceria com a Meta para capacitar jovens em tecnologia e marketing digital

Assinatura do termo de cooperação entre a Meta, Seduc e IFPI, vai ocorreu no dia 25 de abril, durante...
spot_img

Governador entrega mais de 100 km de rodovias recuperadas e autoriza obras em São Lourenço do Piauí

Rafael Fonteles autorizou obras nas áreas de saúde, educação, infraestrutura, mobilidade e abastecimento de água. Cumprindo agenda no interior do...

Bolsa Família reduz desigualdades no Brasil, aponta PNAD Contínua do IBGE

Proporção de domicílios com pelo menos um beneficiário do programa chegou ao maior patamar da série histórica, com 19% Pesquisa...
spot_img

Posts Recomendados