MEC divulgou lista errada de aprovados de sem analisar todas as categorias de cotas

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Novo protocolo para análise de cotistas e problemas internos geraram frustração em candidatos, que chegaram a “perder” vagas

A falha nos aprovados do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2024, ao longo da semana, teve origem na divulgação antecipada dos resultados antes da aplicação das novas regras de cotas nas listas finais.

Este ano, houve uma mudança na forma como o sistema avalia os candidatos. Primeiramente, todos os alunos são considerados para as vagas em uma universidade, independentemente se estão inscritos em cotas ou não.

No caso dos cotistas, se a nota é insuficiente para a ampla concorrência, eles são remanejados para uma avaliação dentro da política afirmativa. Mas esse não é um processo simples, já que um estudante pode passar por até oito análises dentro das cotas e ser considerado por renda, raça ou estudo em escola pública.

Foto: Nappy.com

Dessa forma, o problema na divulgação do Sisu se deu por uma antecipação do processo. Ou seja, o sistema começou a anunciar a ordem dos candidatos supostamente aprovados antes do fim de todas as avaliações possíveis dentro das cotas.

Isso gerou frustração. Candidatos chegaram a ser aprovados e, depois, “perderam” a vaga, pois não estavam mais dentro da lista para ingressar na universidade pelo Sisu.

MEC investiga vazamento

Na sexta-feira (2/2), o Ministério da Educação (MEC) confirmou a “divulgação indevida de resultados provisórios, ainda não homologados, durante 25 minutos”, um dia antes da data de anúncio das aprovações pelo sistema. A pasta se comprometeu a investigar o vazamento de dados.

O calendário divulgado pelo MEC previa a divulgação de resultados na quarta-feira (31/1), mas adiou a previsão por problemas técnicos. Na manhã de terça-feira (30/1), já havia ocorrido um problema, porque alguns candidatos conseguiram acesso o Portal Único de Acesso ao Ensino Superior para ver os resultados.

O ministério emitiu uma nota para informar o recomeço dos “protocolos de homologação”.

A princípio, este era o calendário do Sisu:

  • Resultados: 31 de janeiro
  • Matrícula: de 2 a 7 de fevereiro
  • Lista de espera: manifestar interesse entre 31 de janeiro e 7 de fevereiro
  • Convocação da lista de espera: 16 de fevereiro
Leonidas Amorim
Leonidas Amorimhttps://portalcidadeluz.com.br
Acompanhe nossa coluna no Portal Cidade Luz e fique por dentro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Daniel Alves pode ser expulso para cumprir pena no Brasil; e ainda deixar a prisão em maio

Advogados espanhóis avisam. Pela condenação de estupro ser menor do que cinco anos, Daniel Alves pode ser expulso da...

Bolsonaro não responde à Polícia Federal em depoimento sobre golpe de Estado

Ex-presidente ficou em silêncio O ex-presidente Jair Bolsonaro não respondeu aos questionamentos da Polícia Federal (PF), nesta quinta-feira (22), no...

Presidente da Câmara de Guadalupe anuncia início do ano legislativo com mensagem da prefeita Neidinha Lima e sessão ordinária no dia 26

O presidente da Câmara, vereador Dr. Dílson Barbosa Gomes, informou ao Portal Cidade Luz que as sessões legislativas terão...

Brasil avança na meta para creches, com 4,1 milhões de matrículas

Dados apontam ainda para universalização da pré-escola no país O Brasil tem boas chances de atingir metas previstas pelo Plano...
spot_img

Prefeito Gedison Alves vistoria ruas que receberão pavimentação em Marcos Parente

O prefeito enfatizou a importância de estar presente no local para avaliar de perto as condições e necessidades das...

Mercado eleva para 1,68% projeção de crescimento da economia em 2024

Estimativa de inflação está em 3,81%, diz Banco Central A previsão do mercado financeiro para o crescimento da economia brasileira...
spot_img

Posts Recomendados