Você viu?Novo auxílio emergencial: veja datas para quem é do...

Novo auxílio emergencial: veja datas para quem é do Bolsa Família

-

spot_img

Pagamento será feito em quarto parcelas; valor será de R$ 250 por família, com valores diferenciados para aquelas comandadas por mulheres que criam filhos sozinhos. Pessoas sozinhas vão receber R$ 150.

A nova rodada do Auxílio Emergencial será paga a partir do início de abril – mas as datas ainda não foram definidas, segundo o Ministério da Cidadania.

O calendário para os trabalhadores integrantes do Cadastro Único e para quem se inscreveu no programa pelo site e pelo aplicativo ainda está sendo finalizado e deve ser divulgado nos próximos dias, esclareceu a pasta.

Já para os trabalhadores que fazem parte do Bolsa Família, os pagamentos começam em 16 de abril seguirão o calendário já estabelecido para o benefício – sempre nos últimos dez dias úteis de cada mês. Veja no calendário abaixo:

Auxílio Emergencial 2021 - Bolsa Família — Foto: Economia G1

Auxílio Emergencial 2021 – Bolsa Família — Foto: Economia G1

Parcelas

Serão pagas aos trabalhadores 4 parcelas com valor médio do benefício de R$ 250 – que vai variar de R$ 150 a R$ 375 conforme o perfil do beneficiário e a composição de cada família.

  • Famílias vão receber R$ 250;
  • Uma família monoparental, dirigida por uma mulher, vai receber R$ 375;
  • Pessoas que moram sozinhas vão receber R$ 150.

Quem recebe

Pelas novas regras, o auxílio só será pago a famílias com renda total de até três salários mínimos por mês, desde que a renda por pessoa seja inferior a meio salário mínimo. Segundo o governo, o benefício deverá ser pago a 45,6 milhões de famílias.

Para quem está no Bolsa Família, continua valendo a regra do valor mais vantajoso. A pessoa receberá o benefício com maior valor, seja a parcela paga no âmbito do programa, seja o valor do Auxílio Emergencial.

Não serão abertas novas inscrições para o pagamento do benefício. A seleção será feita a partir dos beneficiários inscritos no programa original, excluindo aqueles que não se encaixarem nas novas regras do programa. Com isso, o número de beneficiários deve ser reduzido de 68 milhões para 46,6 milhões.

Como será feito o pagamento?

As parcelas da nova rodada serão pagas da mesma forma que as anteriores: para quem recebe o Bolsa Família, da mesma forma que é pago o benefício. Para os demais, por meio de conta poupança digital da Caixa, que pode ser movimentada pelo Caixa TEM.

Por G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Piauiense que sofre com obesidade mórbida precisa de 80 mil reais para tratamento de saúde

Elundina Santos Brandão, de 43 anos, é natural de Guadalupe – PI e reside em Brasília – DF atualmente...

Qual o melhor intervalo entre as doses da vacina CoronaVac? Entenda

Estudo divulgado mostrou que eficácia da CoronaVac pode aumentar de 50,7% para 62,3% quando o espaçamento entre as doses...

“Não é o momento”, diz senador Marcelo Castro sobre CPI da Pandemia

O senador Marcelo Castro (MDB-PI) se manifestou favorável à instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia no...

Twitter coloca aviso de ‘publicação enganosa’ em post de Eduardo Bolsonaro

O Twitter colocou um aviso de “publicação de informações enganosas e potencialmente prejudiciais relacionadas à Covid-19” em uma publicação...
spot_imgspot_img

Sonia Abrão detona documentário de Karol Conká na Globoplay: “Infeliz”

Sonia Abrão não gostou nem um pouco da ideia da Globo de lançar um documentário sobre a vida de...

Deputado vai ao STF para obrigar presidente da câmara a analisar impeachment de Bolsonaro

Kim Kataguiri afirma que ministros da Corte devem estipular prazo para presidente da Câmara dizer se admite acusações contra...
spot_img

Posts Recomendados