Pesquisa Quaest aponta que 50% dizem que seria justo prender Bolsonaro, e 39%, injusto

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Nos recortes por religião, entre os evangélicos predomina a visão de injustiça em uma eventual prisão, com 56% a 36%

Pesquisa Genial/Quaest divulgada nesta quarta-feira (28) mostra que 50% dos eleitores brasileiros dizem que seria justo prender o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), enquanto 39% consideram a medida injusta.

Avaliação semelhante é feita sobre a decisão que tornou o político inelegível: 51% afirmam que a Justiça Eleitoral acertou, ante 40% que tratam como um erro.

A pesquisa foi realizada entre 25 e 27 de fevereiro, ou seja, desde o domingo (25) em que foi realizado um ato de apoio a Bolsonaro na Avenida Paulista, em São Paulo, até os dois dias seguintes.

O levantamento também verificou que 53% dos brasileiros estavam sabendo da manifestação, mas 47%, não.

Myke Sena/ Especial Metrópoles

A percepção de que seria justa uma eventual prisão de Bolsonaro, que é investigado pela Polícia Federal por envolvimento em uma suposta trama golpista dentro de seu governo em 2022, predomina entre os que ganham até 2 salários mínimos (54% a 33%), mas registra empate técnico nas demais faixas de renda: 49% a 42% no grupo que recebe de 2 a 5 salários mínimos, e 47% a 45% entre os que têm mais de 5 salários mínimos como rendimento mensal.

Evangélicos veem injustiça

Nos recortes por religião, entre os evangélicos predomina a visão de injustiça em uma eventual prisão, com 56% a 36%.

A proporção se inverte entre os católicos (55% dizem ser justa, 34%, injusta), entre os que professam outra fé (62% a 29%) e os que dizem não ter religião (58% a 27%).

Nas duas regiões mais populosas do país (Sudeste e Nordeste), predomina a percepção de que seria justa a prisão do ex-presidente, enquanto no Sul ocorre o oposto, e as regiões Centro-Oeste e Norte somadas registram empate técnico.

Foram ouvidas 2 mil pessoas de 16 anos ou mais, entre os dias 25 e 27 de fevereiro, em entrevistas face a face.

A margem de erro estimada é de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos, e o intervalo de confiança é de 95%.

Leonidas Amorim
Leonidas Amorimhttps://portalcidadeluz.com.br
Acompanhe nossa coluna no Portal Cidade Luz e fique por dentro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Novos pontos de descanso em rodoviárias federais para motorista estão previstas em 2025

A portaria que cria a política pública foi publicado no diário oficial na sexta (19). Novos pontos de descanso para...

Pré-candidata a prefeita de Landri Sales destaca origem política e projetos em entrevista exclusiva à Rádio Cidade Luz

Adriana Sá destacou sua origem política, projetos para Landri Sales e comentou sobre o rompimento do atual prefeito com...

Mussoline Guedes destaca pioneirismo do Piauí no uso de IA em encontro de secretários de comunicação

O coordenador participou do 4º Fórum Nacional das Secretarias Estaduais de Comunicação, em Belém do Pará. O coordenador de Comunicação...

Rafael Fonteles anuncia parceria com a Meta para capacitar jovens em tecnologia e marketing digital

Assinatura do termo de cooperação entre a Meta, Seduc e IFPI, vai ocorreu no dia 25 de abril, durante...
spot_img

Governador entrega mais de 100 km de rodovias recuperadas e autoriza obras em São Lourenço do Piauí

Rafael Fonteles autorizou obras nas áreas de saúde, educação, infraestrutura, mobilidade e abastecimento de água. Cumprindo agenda no interior do...

Bolsa Família reduz desigualdades no Brasil, aponta PNAD Contínua do IBGE

Proporção de domicílios com pelo menos um beneficiário do programa chegou ao maior patamar da série histórica, com 19% Pesquisa...
spot_img

Posts Recomendados