Destaques Wellington Dias sanciona lei que torna atividades religiosas como...

Wellington Dias sanciona lei que torna atividades religiosas como essenciais em todo o Piauí

-

Com isso, passa a garantir o funcionamento das igrejas e templos religiosos de qualquer crença. A medida garante aos fiéis o “livre exercício de culto, mesmo em situações de calamidade pública, de emergência, de epidemia ou de pandemia”.

O governador Wellington Dias (PT) sancionou uma lei que reconhece atividades religiosas como serviços essenciais no Piauí. A Lei nº 7.478 de 18 de janeiro de 2021, é de autoria do deputado Gessivaldo Isaías (Republicanos), e passa a garantir o funcionamento das igrejas e templos religiosos de qualquer crença.

Wellington Dias

Segundo o texto, são consideradas essenciais as atividades religiosas realizadas nos templos e fora deles, como os encontros no esquema “drive-thru” – em estacionamentos. A medida garante aos fiéis o “livre exercício de culto, mesmo em situações de calamidade pública, de emergência, de epidemia ou de pandemia”.

Gessivaldo Isaías ressaltou a importância do trabalho desenvolvido pelas instituições religiosas. “As igrejas, os templos são verdadeiros hospitais da alma, prestam assistência espiritual a quem necessita, além disso, prestam assistência material a inumeras de famílias carentes, por isso precisam de suas portas abertas para assim ajudar a população”, disse o autor da lei.

A norma cita ainda que as restrições ao exercício de atividades religiosas determinadas pelo poder público em casos de pandemia, por exemplo, “devem fundar-se nas normas sanitárias ou de segurança pública aplicáveis e são precedidas de decisão administrativa fundamentada da autoridade competente, que devem citar os motivos e os critérios científicos e técnicos que embasarem as medidas”.

Vale destacar que a liberdade religiosa é garantida na constituição federal no seu artigo 5º, inciso VI. “É inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e as suas liturgias”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Mercado teme que Bolsonaro adote populismo econômico de olho em Lula em 2022

Economistas acreditam que dualidade entre direita e esquerda reduz chance de agenda reformista. A possibilidade de uma disputa entre o...

Ciro Nogueira afirma que Wellington Dias finge sobre busca por vacinas

O senador também lamentou que idosos sejam submetidos a filas gigantescas no Piauí. O senador Ciro Nogueira (Progressistas) usou as...

Compra de mansão de R$ 6 mi por Flávio tem perguntas sem respostas

O negócio foi concretizado às vésperas de Flávio ser beneficiado por uma decisão do STJ (Superior Tribunal de Justiça)...

Em meio a piora da pandemia, Santa Catarina flexibiliza medidas de restrição

390 pessoas esperam por leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para tratar o novo coronavírus no estado. Em meio...

NASA quer recuperar amostras de Marte

A NASA e a Agência Espacial Europeia recrutaram a ajuda de uma empresa para ajudar nessa missão. É com o...

Papa diz que violência em nome de Deus é a “maior blasfêmia”

Em visita à cidade de Najav, no Iraque, o Papa Francisco disse que a violência em nome de Deus...

Posts Recomendados