Cidades Descarte de lixo e entulhos em locais inadequados gerarão...

Descarte de lixo e entulhos em locais inadequados gerarão penalidades em Floriano

-

As denúncias podem ser feitas através da ouvidoria pelo telefone: (89) 99448-2590.

A Lei Municipal N° 012/2009, em Floriano, proíbe o despejo ou depósito de lixo ou entulhos em locais inadequados e a Lei Nº 008/2005 (Código Tributário Municipal), define as infrações e multas em relação ao descarte irregular de lixos ou entulhos.

É comum ver moradores que descartam todo tipo de detritos em passeio público (calçadas), praças, ruas, avenidas e às margens de estradas vicinais de Floriano.

Por causa disso a Prefeitura Municipal de Floriano, através da Secretaria de Infrastrutura e Diretoria de Fiscalização da Secretaria de Finanças, via Fiscalização de Posturas, emitiu o Comunicado Nº 001/2021, para alertar a população sobre a necessidade de obediência à legislação e de preservação dos espaços públicos, que devem estar limpos e livres de poluição visual, proliferação de urubus, insetos, surtos do mosquito Aedes Aegypti, queimadas irregulares por acumulo de lixo.

O comunicado serve de alerta porque a partir de agora a pessoa que for flagrada realizando o descarte ilegal, responderá por crime ambiental e poderá receber punição que vai, desde multas que variam de 15 (quinze) UFMF que hoje representam R$ 55,20 a 1.000 (mil) UFMF, ou seja, R$ 3.680,00, até a reclusão.

A fiscalização será feita pelos agentes fiscais do município que inicialmente visitarão os locais já identificados como pontos de recebimento de lixos e notificarão os proprietários para que, no prazo de 15 dias, sejam tomadas as devidas providências para inibir tal conduta e ajudar a gestão pública à manter a cidade em condições de higiene satisfatória.

“Temos coleta regular do lixo doméstico e hospitalar, serviços de capina com poda de árvores e a coleta de galhos, recebimento de animais mortos e todo tipo de descarte, mas tem pessoas e até empresas que insistem em poluir a cidade e as estradas”, afirmou o secretário de Infraestrutura, Reneê Moreira.

A secretária de Finanças, Josélia Rodrigues lembrou que ainda existem muitos cidadãos descartando todo tipo de material em vias públicas e que isso é passível de punições com multas rigorosas. “Essa é uma questão de cidadania e conscientização. É necessário que a população colabore na identificação dos responsáveis por estes atos ilegais, anotando placas e características de veículos quando se depararem com este tipo de situação e denunciar”, finalizou a secretária.

As denúncias podem ser feitas através da ouvidoria pelo telefone: (89) 99448-2590.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

OMS diz que situação do Brasil é “muito preocupante” e requer medidas agressivas

"Não é hora do país relaxar, a variante brasileira preocupa e pode afetar toda a América Latina" disse Tedros...

Aulas da Rede Municipal de Guadalupe terão início na próxima segunda-feira, 08 de março.

A secretaria Lorena Rocha informou que os alunos receberão o material para estudo por plataformas digitais e as famílias...

Ministério Público pede à Justiça que Flordelis e outros réus sejam levados a júri popular

Flordelis é suspeita de ter arquitetado o plano, convencer pessoas de práticas reiteradas de crimes, ocultar provas, além de...

Prefeitura de Guadalupe publica novo decreto com medidas emergenciais válidas até 15 de março, porém, houve alterações para os finais de semana

Entre as mudanças, toque de recolher mais cedo e aos finais de semana os postos de combustíveis poderão funcionar...

Supremo Tribunal Federal determina que Ministério da Saúde reative 278 leitos de UTIs no Piauí

O Piauí registra aumento na média móvel de novos casos e óbitos. A internação em leitos de UTI ultrapassa...

Compositor pede prisão preventiva do cantor Wesley Safadão por plágio

Segundo o colunista Leo Dias, além de o cantor estar sendo processado pelo suposto plágio da faixa Vaqueirinha Maltrata...

Posts Recomendados