Destaques Destaque na revista Veja: Ciro Nogueira está de volta...

Destaque na revista Veja: Ciro Nogueira está de volta ao centro do poder

-

O senador Ciro Nogueira é presença em todos os governos.

A revista Veja deu destaque para o senador Ciro Nogueira, do Piauí. Segundo reportagem de Marcela Mattos, o parlamentar tem um patrimônio declarado de 23 milhões de reais, que inclui um avião e um Camaro, mas circula pelas ruas de Brasília na singela moto Honda, avaliada em 20.000 reais.

Ciro Nogueira é presença em todos os governos

“O Ciro tem alma de baixo clero”, diz um amigo dele. “Se tiver uma reunião num palácio ou uma conversa com dez deputados em um boteco, não há dúvida de que ele vai ao boteco.” Parece uma questão de estilo pessoal, mas é, antes de tudo, uma estratégia política. Presidente do Progressistas, o mais influente partido do chamado Centrão, grupo acostumado a negociar seu apoio ao presidente da vez em troca de cargos e verbas públicas, Ciro Nogueira sabe que, quanto mais deputados tiver sob sua influência — num bar ou no Congresso —, maior será a chance de ser cortejado e bem tratado pelo Palácio do Planalto.

Ciro Nogueira – Foto: Lucas Dias

Essa receita é tão infalível que ele se tornou aliado de Lula, Dilma Rousseff e Michel Temer e conseguiu de petistas e peemedebistas ministérios de ponta para o seu partido.

A matéria da Veja conta que a chegada de Bolsonaro ao poder e seu discurso contra a velha política sugeriam que os tempos de glória de Nogueira, processado por corrupção, e do Progressistas, a sigla com o maior número de políticos investigados na Lava-Jato, chegariam ao fim. Deu-se o contrário, e, sem sombra de dúvida, o senador é hoje um dos parlamentares mais influentes do país. O motivo é simples: ele controla um bloco parlamentar com mais de 200 deputados, que formalmente é liderado por seu correligionário Arthur Lira. Essa tropa sozinha é capaz de catapultar projetos importantes para o governo e também funcionar como um campo de força para impedir investidas da oposição. Foi justamente esse atributo que atraiu Bolsonaro, que, para consumar a parceria, deu ao Progressistas o comando de órgãos como o Departamento Nacional de Obras contra as Secas (Dnocs) e o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), cujo orçamento este ano é de 54 bilhões de reais.

Clique aqui e veja a reportagem completa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Aparição de nuvem rara chama atenção em Campo Maior; climatologista explica fenômeno

Um fenômeno raro no céu chamou atenção de moradores na noite da quarta-feira (27/01), em Campo Maior, Norte do...

Após Faustão, William Bonner do Jornal Nacional pede demissão da Rede Globo

Bonner ficou revoltado com a redução do salário. Ele deixaria de ganhar 900 mil reais e passaria a ganhar...

Guadalupe volta a ampliar estado de calamidade publica e endurece medidas restritivas

A prefeita Neidinha Lima, seguindo as orientações dos membros do Comitê Municipal de Resposta Rápida ao COVID-19, voltou a...

Wellington Dias propõe que restrições no Piauí sejam adotadas em todo o Brasil

Wellington irá recomendar que os chefes dos poderes executivos estaduais limitem horário de funcionamento do comércio, bares, restaurantes e...

Sancionada lei que reconhece atividade física como serviço essencial no Piauí

A lei é de autoria do deputado estadual Marden Menezes e foi publicada no Diário Oficial do Estado de...

Secretaria de Saúde de Guadalupe divulga boletim que registra 09 novos casos da Covid-19

Boletim divulgado nesta quarta-feira (27), pela Secretaria Municipal de Saúde, mostra que os casos confirmados somam 519, os recuperados...

Posts Recomendados