Gestão de Antônio Reis segue com a melhor nota entre as maiores cidades do Piauí no Previne Brasil

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Com os resultados obtidos no terceiro quadrimestre de 2023, a Princesa do Sul continua à frente das cinco maiores cidades do Piauí, mostrando sua estabilidade, eficiência organizacional e melhoria nos 7 indicadores estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

Floriano segue avançando e melhorando seus índices no Previne Brasil, o financiamento da Atenção Básica.

Floriano 143° 8.82
*Referente ao terceiro quadrimestre de 2023

Picos 156° 8.65

Piripiri 187° 8.19

Parnaíba 217° 6.71

Teresina 221° 6.35

O resultado é referente ao terceiro quadrimestre de 2023. E leva em consideração dados apresentados pelo painel do Sistema de Informação em Saúde para a Atenção Básica (Sisab), do Ministério da Saúde. 

Do primeiro quadrimestre de 2022, até o terceiro quadrimestre de 2023, os dados do Previne Brasil no município representaram um aumento de 76,75% e, do primeiro ao terceiro quadrimestres de 2023, o crescimento foi de 4,25%, mostrando que a saúde de Floriano segue alavancando.

O que é o Previne Brasil? 

O Previne Brasil equilibra valores financeiros per capita referentes a população efetivamente cadastrada nas equipes de Saúde da Família (eSF) e de Atenção Primária (eAP), com o grau de desempenho assistencial das equipes somado a incentivos específicos, como a ampliação do horário de atendimento (Programa Saúde na Hora), equipes de Saúde Bucal, informatização (Informatiza APS), equipes de Consultório na Rua, equipes que estão como campo de prática para a formação de residentes na APS, entre outros tantos programas.

Indicadores Previne Brasil para o ano de 2023: 

1 – Proporção de gestantes com pelo menos 6 (seis) consultas de pré-natal realizadas, sendo a 1ª (primeira) até a 12ª (décima segunda) semana de gestação;
2 – Proporção de gestantes com realização de exames para Sífilis e HIV;
3 – Proporção de gestantes com atendimento odontológico realizado;
4 – Proporção de mulheres com coleta de citopatológico na APS;
5 – Proporção de crianças de um ano de idade vacinadas na APS contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B, infecções causadas por Haemophilus influenzae tipo B e poliomielite inativada;
6 – Proporção de pessoas com hipertensão, com consulta e pressão arterial aferida no semestre;
7 – Proporção de pessoas com diabetes, com consulta e hemoglobina glicada solicitada no semestre.

Leonidas Amorim
Leonidas Amorimhttps://portalcidadeluz.com.br
Acompanhe nossa coluna no Portal Cidade Luz e fique por dentro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

SEINFRA realiza obras de tapa-buracos no Planalto Sambaíba e desobstrução em ruas de Floriano

A Prefeitura de Floriano, através da Secretaria de Infraestrutura, deu início a mais duas obras de reparo com o...

Ex-secretário de Administração do governo Dr. Pessoa terá que devolver R$ 10 milhões aos cofres públicos

A Segunda Câmara Virtual do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) acatou, por unanimidade, o teor de representação...

TRE do Paraná marca para 1º de abril julgamento que pode cassar Sérgio Moro

Anteriormente, o tribunal havia anunciado que a posse do novo desembargador José Rodrigo Sade ocorrerá em 6 de março. O...

Quem mudou de lado será julgado pela população, diz Ciro Nogueira sobre ex-aliados

Eleições 2024. Em entrevista ao Jornal do Piauí nesta quinta-feira (22), o senador Ciro Nogueira (PP) criticou a adesão de...
spot_img

Marcelo Castro diz que reeleição foi um ‘equívoco’ e defende mandato de 5 anos para o Executivo

Segundo o parlamentar, a expectativa é apresentar ao colégio de líderes as principais mudanças sugeridas ao projeto original da...

Câmara de Jerumenha faz abertura do ano legislativo com aprovação de projetos

Na abertura do ano legislativo, foram aprovados projetos importantes: reajuste salarial para servidores proposto pelo executivo, isenção de taxas...
spot_img

Posts Recomendados