Governo Lula encerra 2023 com rombo de R$ 145 bilhões nos cofres públicos

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Valor poderia ser maior, mas não leva em conta o pagamento de precatórios de mais de R$ 90 bilhões.

O primeiro ano do terceiro mandato do Governo Luiz Inácio Lula da Silva (PT) está previsto para terminar com um déficit de cerca de R$ 145 bilhões, ou 1,4% do PIB. Este valor poderia ser maior, mas não leva em conta o pagamento de precatórios que será financiado com um crédito extra de mais de R$ 90 bilhões.

Haddad e Lula – Foto: Ricardo Stuckert

Apesar da exclusão dessa quantia do cálculo, o Ministro da Fazenda, Fernando Haddad, não conseguiu cumprir a promessa de entregar um déficit fiscal próximo de 1% do PIB, algo em torno de R$ 100 bilhões. Haddad defende que a gestão anterior, de Jair Bolsonaro (PL), deixou as contas desorganizadas, o que contribuiu para o déficit.

Haddad afirmou que teve que compensar os estados e municípios pela perda de arrecadação com o ICMS, totalizando R$ 16,3 bilhões. Além disso, foi necessário aumentar o valor do Bolsa Família, uma medida que também seria implementada pelo governo anterior. A média das projeções mais recentes do mercado financeiro, divulgada na terça-feira (26 de dezembro de 2023) pelo Boletim Focus, indica que o déficit primário das contas do governo será de 1,4% do PIB. A promessa de Haddad, feita em janeiro, era de um déficit menor que 1% do PIB. No entanto, essa possibilidade foi descartada.

Gleison Fernandes
Gleison Fernandeshttps://portalcidadeluz.com.br
Editor Chefe do Portal Cidade Luz

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Deputada Ana Paula quer explicações sobre fechamento de campus da Uespi

O Plenário da Assembleia Legislativa do Piauí aprovou, por unanimidade, o Requerimento 150/24, da deputada Ana Paula (MDB), solicitando...

Concurso da Polícia Militar: Alepi autoriza Governo do Estado a convocar novos candidatos

A proposta determina a contratação de mais policiais e mudanças no Estatuto da PM foram aprovadas em 1ª e...

Projeto que prevê castração química para estupradores é aprovado no Senado

O tratamento químico hormonal deve ser voluntário; PL foi aprovado pela CCJ e segue para à Câmara dos Deputados. A...

Novo DPVAT: seguro obrigatório voltará a ser pago em 2025

Serão garantidos os custos de atendimentos médicos, fisioterapia, medicamentos, equipamentos ortopédicos, que não sejam disponibilizados pelo SUS. O pagamento de...
spot_img

Na abertura do G20 em Teresina, Rafael Fonteles defende pacto global para o combate à fome e à pobreza

Com a presença de 52 delegações internacionais, as reuniões serão fechadas e contarão com visitas a programas locais. O governador...

Ônibus Lilás faz vários atendimentos em Landri Sales, ação foi solicitada por Adriana Sá

Adriana ressaltou a importância desses serviços para a população e informou que centenas de pessoas foram atendidas. Na manhã desta...
spot_img

Posts Recomendados