Governo recupera pagamentos indevidos feitos pelo Bolsa Família

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Levantamento apontou as famílias que tinham renda maior do que a declarada no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.

O Ministério da Cidadania informou na terça-feira (25) ter recuperado R$ 377,4 mil de 299 beneficiários do Bolsa Família que estavam recebendo o dinheiro indevidamente.

Foto: Reprodução

Segundo a pasta, todas as irregularidades foram observadas em benefícios pagos a moradores da região Nordeste. O montante recuperado voltará para os cofres públicos da União.

A cobrança de ressarcimento de valores do Bolsa Família foi possível graças ao cruzamento de dados que vem sendo realizado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) desde 2018. O levantamento apontou as famílias tinham renda maior do que a declarada no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.

No Piauí, 11 pessoas foram notificadas por terem recebido recursos do programa de transferência de renda sem realmente necessitarem. Elas tiveram que devolver, no total, R$ 10.838,08.

Para o ministro da Cidadania, Osmar Terra, a inciativa mostra o empenho do Estado em combater as irregularidades e garantir que os recursos cheguem a quem realmente precisa. 

“É uma mudança na conduta em relação ao Bolsa Família, embora no universo do programa não seja uma quantidade muito grande. É uma ação educadora, inclusive, mostrando para a população que esse dinheiro é para ser aplicado em favor dos mais pobres, para quem não tem alternativa e, ao mesmo tempo, fazer justiça aos cofres públicos, não usando dinheiro público indevidamente”, avalia. 

Terra lembra ainda que o Governo Federal realiza todos os meses o cruzamento de informações entre diversas bases de dados.

As famílias que não apresentaram defesa e não pagaram a Guia de Recolhimento da União (GRU) serão incluídas na Dívida Ativa da União e impedidas de ingressar no Bolsa Família, mesmo cumprindo os demais critérios de elegibilidade. Se ainda estiverem dentro do perfil, as famílias que quitaram o débito poderão ser selecionadas para retornar ao programa após um ano.

Em todo o Brasil, foram instaurados 2.663 processos administrativos para a cobrança. Até o momento, 748 casos foram pagos, o que representa R$ 927,3 mil.

Veja, por estado, o número de beneficiários notificados e os valores devolvidos:

Por: Cícero Portela/Portal O Dia

Leonidas Amorim
Leonidas Amorimhttps://portalcidadeluz.com.br
Acompanhe nossa coluna no Portal Cidade Luz e fique por dentro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Com apoio parlamentar, Neidinha Lima recebe retroescavadeira que beneficiará Guadalupe

A prefeita de Guadalupe, Neidinha Lima, recebeu nesta sexta-feira, 21 de junho, uma retroescavadeira para ser utilizada nos serviços...

Lula anuncia 1.351 moradias do Minha Casa, Minha Vida para o Piauí

Foram anunciados, também, investimentos em transformação digital e no Porto Piauí, além de ações voltadas para as mulheres. O presidente...

Lula chega no Piauí e participa do encerramento da Caravana Federativa em Teresina

O presidente Lula já chegou a Teresina para participar do encerramento da 10ª Caravana Federativa, que está acontecendo no Centro de Convenções. Nessa sexta-feira (21),...

Receita abre hoje consulta ao 2º lote de restituição; veja como fazer

Ao todo, mais de 5,7 milhões de contribuintes serão contemplados, com um valor total de crédito de R$ 8,5...
spot_img

Comemorações do Dia do Vaqueiro serão realizadas neste sábado, 22 de junho, em Guadalupe

A prefeita Neidinha Lima informou que, na programação, diversas atividades serão realizadas durante o dia: cavalgada, missa, homenagens, sorteio...

“Vejo como desespero da oposição”, diz Fábio Novo sobre denúncia de compra de apoio em Teresina

Pré-candidato a prefeito de Teresina, Fábio Novo, comentou sobre a ação protocolada no Ministério Público Federal e disse nunca...
spot_img

Posts Recomendados