Lei garante atendimento a pessoas com TDAH e dislexia em vestibular e concursos no Piauí

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

No Piauí, uma nova lei vai assegurar o atendimento especializado a pessoas com Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) e dislexia durante vestibulares e concursos, como no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

A Lei Nº 7.607/2021, de autoria do deputado estadual Franzé Silva (PT), garante a esse público direito a tempo adicional de uma hora e meia para realizarem suas provas, acompanhamento de profissionais para auxiliarem na leitura das provas e para ajudarem na transcrição da parte escrita e preenchimento do cartão-resposta.

Os candidatos também poderão realizar a prova em sala diferenciada. A norma assegura ainda que a prova escrita e a redação sejam corrigidas e avaliadas a partir de matriz de correção específica para participantes disléxicos e por uma banca especializada.

Franzé Silva destaca que a lei é um avanço na garantia da igualdade substancial, ao garantir oportunidade para que pessoas mais vulneráveis possam concorrer com equidade, na medida de suas necessidades.

“O que buscamos é que essas pessoas possam concorrer em igualdade de condições com os demais, em igualdade substancial, conforme o mandamento constitucional, tendo em vista suas limitações e sua maior vulnerabilidade social. É preciso que o Estado e a sociedade olhem para essas pessoas e proporcionem meios que as incluam concreta e eficazmente, com justiça e inclusão social”, aponta Franzé.

Enem

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2022 começaram nessa terça-feira (10) e seguem até o dia 21 de maio. Elas podem ser feitas na página do INEP, através desse link

A taxa de inscrição para o exame, versões digital ou impressa, foi mantida no valor de R$ 85. O período para efetuar o pagamento se encerra em 27 de maio. A participação no exame apenas será garantida apenas após a confirmação do pagamento da taxa.

Pela primeira vez, os interessados em participar do exame poderão efetuar o pagamento da taxa de inscrição por meio de PIX e cartão de crédito.

Como solicitar o atendimento especializado

O candidato que precisar do atendimento especializado deve fazer a solicitação no momento da inscrição e anexar a documentação que comprove a necessidade do atendimento, na Página do Participante, a documentação que comprove a necessidade de acessibilidade, conforme listado no edital do Exame.

Com informações do Cidade Verde

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Promotor investiga patrocínio de R$ 8 milhões que ex-governador Wellington Dias liberou dos cofres públicos ao filme Mandu Ladino

O ex-governador Wellington Dias concedeu a liberação do orçamento em despacho no dia 16 de outubro de 2021. O promotor...

No Piauí, escolas estaduais voltam às aulas hoje e grevistas podem ter ponto cortado

Apesar do decreto, expedido na última quinta-feira, os professores prometem continuar mobilizados. O Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte)...

Vídeo: mulher é agredida durante show de Gusttavo Lima em Brasília

Imagens mostram vítima no chão sendo agredida por outras duas mulheres durante evento no Mané Garrincha nesse sábado (21). Em...

Juiz determina citação para que empresa de Rafael Fonteles pague dívida superior a R$ 3 milhões de contribuições previdenciárias

R$ 3,048 milhões foram atualizados em 2021. A União Federal ingressou com uma ação judicial contra o Grupo Educacional CEV,...
spot_img

Ciro Nogueira direcionou emenda para comprar caminhão de lixo de amiga que frequenta seu gabinete

A cidade Brasileira no Piauí, com 8 mil habitantes recebeu veículo compactador comprado com emenda do chefe da Casa...

De responsabilidade do Governo do Estado, rodovia PI-231 está esburacada e motorista faz tapa-buraco manual

Insatisfeito, um motorista do município resolveu tapar os buracos manualmente utilizando uma pá. A insatisfação com a situação é...
spot_img

Posts Recomendados