MDS avança em articulação para proteção dos povos Yanomamis

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Ministro Wellington Dias participou de reunião na Casa Civil, junto a representantes do Executivo, para tratar das ações estruturantes da Casa de Governo no território indígena

Sob orientação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o Governo Federal continua reunindo esforços a fim de proteger e incentivar os povos da Terra Indígena Yanomami. O papel do Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS), neste conjunto de ações, é garantir a segurança alimentar das famílias e, por meio da proteção social, contribuir para a autonomia dessa população.

Nesta terça-feira (23.01), o ministro Wellington Dias esteve na Casa Civil, reunido com o líder da pasta, ministro Rui Costa, e representantes de outros órgãos do Executivo Federal, a fim de dar continuidade às articulações para atendimento aos povos Yanomami.

“Estamos trabalhando para assegurar a autonomia dos povos indígenas, para que eles possam trabalhar a produção de alimentos, por meio de agricultura, a pesca, criação de aves. Junto a parceiros, o MDS está garantindo 12,5 mil kits de ferramentas para essas atividades, além da entrega de equipamentos para a casa de farinha”, declarou o ministro Wellington Dias.

A fim de manter o nível de segurança alimentar e nutricional nas comunidades e também dos povos que vivem na zona urbana, o MDS está disponibilizando, já neste mês, cerca de 35 mil cestas de alimentos para distribuição no território indígena.

O Governo Federal está trabalhando na promoção de ações estruturantes, que visam retomar o modo de vida dos indígenas. As ações compõem o montante de R$ 1,2 bilhão de recursos federais, que será investido na Casa de Governo, em Roraima. O aporte foi anunciado pelo presidente Lula, em reunião com ministros e representantes de governo, realizada em 9 de janeiro, em Brasília. A ação dá sequência ao trabalho iniciado em 2023, desde que foi declarada a crise humanitária no território indígena.

Reconstrução

No último ano, o MDS identificou e inseriu 18 mil famílias indígenas no Programa Bolsa Família, por meio da busca ativa, ação que visa inserir nas políticas públicas as pessoas que têm direito de receber os benefícios sociais do Governo Federal.

Ainda em 2023, a parceria firmada entre o MDS e os ministérios dos Povos Indígenas e do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar e, também, com a Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai) e a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) garantiu em Roraima e no Amazonas a entrega de 58,4 mil cestas de alimentos.

Já por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), no último ano foram compradas cerca de 30 mil toneladas de alimentos. “E seguimos trabalhando, em diversas frentes, para garantir e fortalecer a segurança alimentar e nutricional das famílias, com os programas do Governo Federal”, declarou o ministro Wellington Dias.

Leonidas Amorim
Leonidas Amorimhttps://portalcidadeluz.com.br
Acompanhe nossa coluna no Portal Cidade Luz e fique por dentro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Seleção de Jerumenha vence torneio intermunicipal de futsal realizado em Marcos Parente

A equipe campeã foi agraciada com R$ 800.00, enquanto a vice-campeã recebeu R$ 200.00, na distribuição dos prêmios. Na noite...

Escola municipal de Floriano programa atividade de ciclismo “1º Pedal Escola-Família” com pais e alunos

O pedal é uma sequência de uma atividade desportiva realizada em 2023 pela escola e que teve uma grande...

Mulher suspeita de produzir e divulgar conteúdo sexual da própria filha de quatro anos é presa no Sul do Piauí

Segundo o delegado titular de Baixa Grande do Ribeiro, Marcos Halan, a presa alega que foi ameaçada e obrigada...

Usina de Boa Esperança em Guadalupe opera normalmente com 58,90% de armazenamento, afirma Chesf

Por Gleison Fernandes - Jornalismo da UCA. A Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf) informou na sexta-feira (23), que a...
spot_img

Carro-Pipa é a principal fonte de abastecimento de água para 102 mil piauienses

Mesmo que o uso do carro-pipa não seja indicado, essa é a principal fonte de abastecimento para muitos nordestinos. O...

Edital do concurso da Polícia Penal do Piauí com 200 vagas está previsto para próxima semana

O secretário estadual de Justiça do Piauí (Sejus), Carlos Augusto, anunciou para a próxima sexta-feira,1º de março, o lançamento...
spot_img

Posts Recomendados