No Piauí, abastecer com etanol é melhor do que com gasolina, aponta pesquisa

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Segundo a pesquisa, no Piauí, o preço médio do litro de etanol está de R$ 4,37, tendo R$ 0,51 como custo por quilômetro rodado.

Uma pesquisa da Ticket Log, empresa de logística e gestão de frotas, concedida ao UOL Carros, aponta que no Piauí abastecer com etanol é melhor do que com gasolina. Além do Piauí, outros 14 estados do Brasil têm o etanol como o combustível mais favorável.

O diretor-geral de mobilidade da Edenred Brasil, Douglas Pina, explica que o etanol tem sofrido uma redução no preço, enquanto que a gasolina estabilizou seu valor nos primeiros dias de junho. “Considerando o panorama nacional, no fechamento da primeira quinzena de junho, o preço médio do litro da gasolina registrou estabilidade, ante o fechamento de maio, ficando à média de R$ 6,02. Já o etanol foi encontrado a R$ 3,99 obtendo redução de 0,25% no preço”, afirmou.

Para o índice apontar o custo em reais por quilômetro rodado, considerando o preço médio do litro de combustível e o consumo médio, é necessário que ocorra a definição dos Estados onde o etanol é mais vantajoso com base no IPTL (Índice de Preços Ticket Log). Com isso, o consumo é fixado em 8,5 km/l para o álcool e em 11,5 km/l para a gasolina com variações dependendo do veículo. Para fazer o cálculo é preciso considerar que o combustível de origem vegetal eleva o consumo em aproximadamente 30%, com variação para baixo ou para cima. Por esse motivo, só vale a pena usar etanol quando a diferença no preço supera percentualmente a redução na autonomia.

Segundo a pesquisa, no Piauí, o preço médio do litro de etanol está de R$ 4,37, tendo R$ 0,51 como custo por quilômetro rodado. Enquanto que a gasolina comum está com um preço médio R$ 6,10, com custo por quilômetro rodado de R$ 0,53. No Acre, Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins, o uso do etanol também é mais vantajoso.

Como descobrir qual combustível é o mais vantajoso?

O professor e engenheiro químico Marco Antônio Carlos da Silva explica que existem formas para calcular e descobrir qual dos combustíveis é economicamente mais vantajoso.

A conta é simples: multiplique o valor do litro da gasolina por 0,7. Se o resultado for menor que o preço do álcool, é economicamente mais viável optar pela gasolina. Outra forma de calcular, sem perder a mesma lógica, é pegar o preço médio dos dois combustíveis e dividir pela quantidade de quilômetros que o veículo faz com um litro.

Em relação ao cálculo divido pela quilometragem do veículo, o condutor precisa ficar atento diretamente ao consumo diário do seu modelo. O especialista explica que nesse tipo de conta sempre haverá uma questão técnica e monetária.

“Os carros, por serem flex, não têm uma eficiência de quilometragem total de cada combustível, essa é a primeira coisa a ser considerada. O cilindro do motor do carro é feito para o combustível que ele vai usar. Se você está usando dois, então ele não é bom nem para um nem para outro. Ele vai usar o meio termo – ele precisa ser razoável para os dois. É por isso que existe essa diferença. Se um carro fosse totalmente movido à gasolina, ele faria até mais quilômetros do que um carro flex e, assim, vice-versa. Isso explica o motivo do álcool fazer uma quilometragem menor”, disse.

O profissional enfatiza ainda que só será vantajoso quando o preço do álcool for abaixo de 70% do preço da gasolina. “É uma conta simples, mas que todo mundo deve fazer e se habituar a fazer. O consumidor precisa primeiro saber quanto custa a gasolina e o álcool e, principalmente, quanto o seu carro faz com a gasolina e com o álcool. Só será vantagem quando o preço do álcool for abaixo de 70% do preço da gasolina”, disse.

O cálculo também pode variar dependendo do preço estabelecido por cada posto. “Essa conta vai variar muito porque depende do valor de cada posto, mas o consumidor tem que saber na ponta do lápis o quanto seu carro faz em cada combustível, porque cada um tem um desempenho diferente em cada combustível. O consumidor precisa conhecer o seu carro”, finaliza.


Gleison Fernandes
Gleison Fernandeshttps://portalcidadeluz.com.br
Editor Chefe do Portal Cidade Luz

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Já pode experimentar a próxima grande atualização do iPhone

O iOS 18 já se encontra disponível para quem quiser experimentar algumas das novidades A Apple lançou oficialmente a versão...

Brasil bate recorde em número de casos de stalking contra mulheres por dia em 2023

Entre 2022 e 2023, o número de casos de stalking no país aumentou 34,5%, passando de 57.294 para 77.083 Em...

Maranhense Rayssa Leal busca 2ª medalha olímpica com irmão de criação

A skatista brasileira gosta de dizer que o Felipe Gustavo é um irmão de criação: ‘Bem mais que só...

Governo do Estado já entregou mais de 130 equipamentos de imagem para hospitais do Piauí

A ação faz parte do processo de modernização dos hospitais estaduais e regionais. O Governo do Piauí, por meio da...
spot_img

No Piauí, TSE revela que estado terá 2,6 milhões de eleitores e mulheres continuaram decidindo eleição

O primeiro turno das eleições será no dia 6 de outubro. O segundo turno poderá ser realizado em 27...

Brasil suspende exportações de carne de aves e seus produtos

Medida preventiva foi tomada após confirmação de foco de doença no RS O Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) reviu...
spot_img

Posts Recomendados