Reajuste do transporte intermunicipal deve ser suspenso no Piauí

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Medida foi uma das resoluções aprovadas durante a audiência pública na Alepi.

A segunda parcela do reajuste na tarifa do transporte intermunicipal, de 6,7%, prevista para junho, deverá ser suspensa pela Agência Reguladora de Serviços Públicos (Agrespi). A previsão era que o aumento atingisse 25%. A primeira parcela foi implementada em janeiro deste ano.

A medida foi uma das resoluções aprovadas durante a audiência pública, na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), na manhã de quarta-feira (24).

Transporte alternativo

O presidente da audiência, deputado estadual Francisco Lima (PT), afirmou que os parlamentares da Alepi estudam sugerir alterações na Projeto de Lei Ordinária do Governo 20/24, que dispõe sobre o Sistema de Transporte Rodoviário Intermunicipal de Passageiros.

“Outra proposta é criar um mecanismo que possa financiar subsídio dessas passagens de usuários sistemáticos, sobretudo aqui de Teresina. São trabalhadores que desenvolvem suas atividades aqui e que usam diariamente esse sistema de transporte. Além disso, configurar, dentro do projeto de lei do governo, um diferencial na tarifa para a região da Grande Teresina”, disse.

O reajuste tarifário afeta o preço dos ônibus, que realizam os percursos: Teresina – Altos, Teresina-José de Freitas, Teresina-Campo Maior e Teresina-União.

O deputado Francisco Limma criticou a metodologia proposta pela Agrespi e a Secretaria de Transportes (Setrans).

“A cada portaria, a Setrans usa um índice diferenciado. Já usou inflação, já usou índice da Agência Nacional de Transportes Terrestres, já usou IPCA [Índice de Preços ao Consumidor], já usou outros índices. É preciso que a gente remeta isso, ou para resolução da Agrespi, ou para o projeto de lei do governo que está tramitando aqui”, destacou.

Por meio de nota, a Agrespi informou que a suspensão do reajuste é de competência do Governo do Estado e que os atos praticados são passíveis de recursos dirigidos à própria agência.

Confira a nota na íntegra:

Os atos praticados pela AGRESPI são passíveis de recursos dirigidos à própria agência- O reajuste da aplicação da tarifa do transporte autorizado pela Agrespi é direito dos permissionários aplicar. Como também, conforme a lei 7.049/17, é direito do usuário e do concessionário, recorrer.

A lei que cria o plano diretor do transporte permite que o governo escolha o modelo de governança do transporte intermunicipal de passageiros. Podendo, escolher o modelo regionalizado, nucleado ou outro que venha a satisfazer a gestão pública do transporte intermunicipal.

Gleison Fernandes
Gleison Fernandeshttps://portalcidadeluz.com.br
Editor Chefe do Portal Cidade Luz

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Convenção do PSDB de Floriano será realizada no próximo dia 24 em Floriano; veja o edital!

O evento será realizado no Salão de Eventos do Hotel Rio Parnaíba O DIRETÓRIO MUNICIPAL DO PARTIDO DA SOCIAL DEMOCRACIA...

PSD de Floriano realiza a sua convenção eleitoral no próximo dia 24; veja o edital!

O evento será realizado no Hotel Rio Parnaíba O Presidente da Comissão Provisória do PARTIDO SOCIAL DEMOCRÁTICO – PSD do...

Convenção do Progressistas de Floriano (PP) será realizada no próximo dia 24 em Floriano; veja o edital!

O evento será realizado no Salão de Eventos do Hotel Rio Parnaíba A COMISSÃO PROVISÓRIA DO PARTIDO PROGRESSISTAS-PP, DO MUNICIPIO...

Inauguração do Ginásio Jadson Alves, no bairro Bela Vista, marca o início do Torneio de Futsal de Férias em Guadalupe

Os jogos seguem até o dia 26 de julho, prometendo animar a comunidade. Na noite desta terça-feira, 16 de julho,...
spot_img

O que já se sabe da PEC que pode criar uma nova polícia a partir da PRF

Proposta foi levada pelo Ministério da Justiça à Casa Civil e será discutida com o presidente Luiz Inácio Lula...

Oposição faz cálculos para tornar Bolsonaro apto, só que não para 2026

Jair Bolsonaro está inelegível até 2030, decisão do Tribunal Superior Eleitoral. O Congresso poderia anistiar Jair Bolsonaro (PL) de acusações...
spot_img

Posts Recomendados