Saúde de Guadalupe promove reunião para planejamento de ações e estratégias de combate a dengue para 2023

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

O evento reuniu secretarias municipais e órgãos do estado, assim como, associações de moradores e outros representantes de entidades da sociedade civil organizada.

A Prefeitura de Guadalupe promoveu nesta terça-feira, 22, por iniciativa da Secretaria Municipal de Saúde e com a parcerias de todas as secretarias municipais, rede estadual de educação, associações de moradores e igrejas e outras entidades uma reunião para discutir e planejar ações e estratégias para combater e prevenir o mosquito Aedes Aegypti que transmite a dengue, a chikungunya e a zika.

O evento aconteceu na noite desta terça-feira, 22, e foi realizado no auditório do prédio da câmara municipal da cidade.

A prefeita Neidinha Lima esteve presente no evento na companhia do Presidente da Câmara Jesse James, onde destacou em sua fala a necessidade de envolver toda a sociedade na tarefa de ajudar o poder público a combater o mosquito da dengue. “Os nossos profissionais de saúde e a nossa gestão faz a sua parte, precisamos da sociedade unida nessa luta que é Todos contra a Dengue”, afirmou a prefeita.

O secretário de saúde Paulo Rocha, que na ocasião estava acompanhado da coordenadoras da saúde, enfermeiras Jucilene Andrade e Monique Oliveira, Lorena Rocha Antunes (Secretária de Educação), Luanna Lima (Secretária de Governo), Dr. João Filho (Coordenador do setor jurídico da prefeitura), Dr. Eduardo Rocha (Dentista), professor Raulino Noleto (Coordenador da Rede Estadual de educação), além de dirigentes de órgãos da saúde municipal, profissionais da área, presidentes de associações de moradores, empresaria do setor de saúde, e outros membros da sociedade.

Paulo Rocha abriu o evento falando da importância de todos darem a sua contribuição no combate e prevenção ao mosquito da dengue, tanto no momento atual, como no planejamento para às ações e estratégias futuras que serão adotadas a partir de 2023.

Ele lembrou que o município possui um Plano de Contingência para Epidemias de Dengue, Chikungunya e Zika. “O nosso objetivo é combater a formação de criadouros do mosquito da dengue em todos às residências e terrenos em cidade“, disse Paulo Rocha

A enfermaria Jucilene Andrade fez num resumo dos números das ações realizadas dentro do município.

Ao final as propostas apresentadas no encontro serão acrescidas no plano de contingência já existente.

Confira as imagens

Leonidas Amorim
Leonidas Amorimhttps://portalcidadeluz.com.br
Acompanhe nossa coluna no Portal Cidade Luz e fique por dentro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

‘Churrasco do brasileiro’: Preço da picanha cai, mas cerveja fica mais cara em 12 meses

Carnes, frango e linguiça estão mais em conta, mas pão de alho, vinagrete e bebidas se tornaram principais vilões...

Com investimento de R$ 3 milhões, governo do Piauí entrega escola “modelo” em tempo integral

Fundado em 1938, o Ceti Fenelon Castelo Branco foi totalmente reformado e requalificado para se adequar ao padrão Seduc. O...

Campeonato de Jerumenha estreia com vitória dominante do China sobre o Serraria por 4X0

O Campeonato de Futebol de Jerumenha teve seu pontapé inicial ontem, 13 de abril, com um confronto entre as...

Wellington Dias defende Bolsa Família para trabalhadores rurais com carteira assinada

A matéria tramita na Câmara dos Deputados e sofre pressão da bancada ruralista, que tenta acelerar a aprovação do...
spot_img

PL que regula atividade dos motoristas de aplicativos ganha mais tempo na Câmara

Os profissionais seguem acompanhando as discussões no Congresso, que agora terá o texto analisado por outras 3 comissões da...

Mais R$ 1,4 bilhão está ao alcance dos produtores rurais por meio do Plano Safra

O montante disponível para operações de crédito foi anunciado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).  Advogado especialista...
spot_img

Posts Recomendados