Aliado de Ciro Nogueira, ministro do esporte prioriza Piauí, estado do aliado progressista com academias ao ar livre e campos de futebol

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Entre os prefeitos beneficiados com os repasses, 71% são do PP, partido ao qual o ministro e Ciro Nogueira, um dos padrinhos da nomeação de Fufuca na pasta, são filiados

Décima oitava unidade da federação em número de habitantes, o Piauí lidera a lista de investimentos do Ministério do Esporte para a construção de academias ao ar livre e campos de futebol. A pasta é comandada por André Fufuca, que teve como um dos padrinhos de sua nomeação o presidente nacional do PP, Ciro Nogueira, senador pelo estado. Entre os prefeitos beneficiados com os repasses, 71% são do partido, ao qual Fufuca também é filiado.

Foto: Divulgação – Andre Fufuca e Ciro Nogueira

Fufuca foi alçado ao posto em setembro de 2023, em uma manobra do governo para tentar ampliar o apoio do Centrão no Congresso. A nomeação também teve o endosso do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL). Desde que assumiu o ministério até abril deste ano, 24 municípios piauienses assinaram convênios para esse tipo de obra. Minas Gerais, com 19 acordos, aparece em segundo lugar, enquanto Paraná (12), Bahia (11) e São Paulo (9) vêm na sequência. Ao todo, são 107 contratos do tipo, somando R$ 61,3 milhões, dos quais R$ 13,3 milhões vão para o Piauí.

O ranking, obtido via Lei de Acesso à Informação, leva em conta projetos de construção de academias ao ar livre e campos de futebol, que são a principal fonte de investimento da pasta nos municípios. Os convênios dentro desta ação orçamentária representam 69% do total de acordos firmados pela pasta com as cidades.

Prefeitos beneficiados — Foto: Editoria de arte
Prefeitos beneficiados — Foto: Editoria de arte

O salto do Piauí ocorreu na gestão Fufuca: entre setembro de 2022 e abril de 2023, período equivalente anterior à chegada do ministro ao governo, foram seis convênios do tipo firmados com prefeituras do estado.

Pasta nega favorecimento

O Ministério do Esporte disse que a liberação de recursos para projetos esportivos apresentados pelos municípios atende a critérios de “vulnerabilidade social e do número significativo de beneficiários alcançados”, além de levar em conta o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). A nota afirma ainda que “nenhuma escolha é direcionada por critério político-partidário”.

Os dados mais recentes de IDH mostram o Piauí com o 23º pior índice do país, empatado com o Pará e à frente apenas de Amapá, Alagoas e Maranhão — juntos, municípios desses estados assinaram apenas quatro convênios dessa modalidade no período.

Convênios para academias e campos de futebol — Foto: Editoria de arte
Convênios para academias e campos de futebol — Foto: Editoria de arte

Em relação aos partidos, os prefeitos do PP comandam 71% dos municípios beneficiados e estão à frente de 37% de todas as cidades do Piauí. Procurado, Nogueira não se manifestou.

Ao GLOBO, os gestores municipais relataram como acessam as verbas da pasta por meio da articulação do senador e do deputado federal Júlio Arcoverde (PP-PI), aliado de Nogueira. Os prefeitos contam que recorrem diretamente aos parlamentares, que encaminham as demandas a Fufuca, responsável por formalizar os convênios.

Foi o que aconteceu, por exemplo, com o prefeito Antônio Djalma (PP), de Monsenhor Hipólito, cidade de 7,7 mil habitantes a 290 quilômetros de Teresina. O município foi o que mais conseguiu academias ao ar livre. No último dia 21 de fevereiro, Djalma se reuniu com Ciro Nogueira, em Brasília, para em seguida participar de uma reunião com Fufuca. Saiu do ministério com recursos para construção de quatro academias ao ar livre.

— Depois de falar com o senador Ciro, estive com o ministro. O atendimento foi vip, excepcional — comemora o prefeito. — As academias ao ar livre estão em evidência, as pessoas querem fazer atividades físicas. E o ministro Fufuca tem um carinho muito grande pelo Piauí.

As quatro unidades custarão R$ 863 mil e serão pagas com recursos, já empenhados, do caixa do ministério. As academias, assim como os campos de futebol, são cobiçadas pelos prefeitos, principalmente em ano eleitoral, porque ficam em evidência e têm boa aceitação pela população. Cenário oposto, por exemplo, às obras na área de saneamento, que não ficam visíveis.

Com frequência, o compromisso é firmado em agenda direta com os prefeitos. Em um mesmo dia, em 31 de dezembro de 2023, o ministro liberou academias para 12 mandatários do Piauí, todos do PP. Um dos contemplados foi o prefeito de Elesbão Veloso, Rafael Malta Barbosa (PP). Ao GLOBO, ele disse que solicitou diretamente a Ciro Nogueira academias ao ar livre para a cidade, que custarão R$ 500 mil. O dinheiro já foi empenhado e, segundo o prefeito, a licitação para o início das obras deve ser lançada em um mês.

— Vamos fazer academias na zona urbana e rural, em várias comunidades. As academias são do Ciro Nogueira. Ele nos apoia em tudo. Fiz essa solicitação diretamente a ele — destacou Rafael, que também esteve no gabinete de Fufuca, em novembro de 2023.

Também do PP, o prefeito Dr Eudes, de Isaías Coelho, a 320 quilômetros de Teresina, foi contemplado por Fufuca com o aval de Ciro Nogueira. Neste caso, o dinheiro, R$ 574 mil, servirá para construir um campo de futebol na cidade.

— Já está em análise na Caixa Econômica, e o dinheiro foi empenhado. O Ciro tem sido muito atuante para a gente, com recurso do Esporte. É bem atuante no Piauí inteiro — destacou o correligionário.

O deputado Júlio Arcoverde, por sua vez, confirmou a articulação junto a Fufuca mas se disse “surpreso” com relação à liderança do Piauí no ranking de obras fornecido pela pasta.

— O que eu consegui foram algumas academias e alguns campos de futebol society. São academias de R$ 250 mil, R$ 300 mil. É uma forma de mostrar a presença do estado junto a essas populações mais carentes — diz o deputado, que reclama do “orçamento reduzido” da pasta de Fufuca. — O coitado do ministro está até com dificuldade de atender ao partido (PP).

Padrinho em dose dupla

Apesar de fazer oposição ao governo, Ciro Nogueira é visto, no Congresso e no Planalto, como um dos padrinhos políticos de Fufuca no ministério. Quando se licenciou da presidência do PP para assumir a Casa Civil no governo de Jair Bolsonaro, por exemplo, Nogueira escolheu Fufuca como seu substituto no partido. A relação entre os dois é também no campo pessoal: o senador é padrinho de batismo do filho do ministro.

No comando da pasta, Fufuca tem se dedicado também a atender demandas do grupo político de Lira. Como O GLOBO mostrou em janeiro, o ministério turbinou os repasses de dinheiro público para Barra de São Miguel, município do litoral alagoano comandado por Benedito de Lira (PP), pai do presidente da Câmara. De setembro de 2023, quando Fufuca assumiu a pasta, até o fim do ano passado, a cidade de oito mil habitantes foi a oitava entre as 5.565 do país que mais receberam verbas da pasta. Foram destinados R$ 4 milhões para a construção de duas arenas e um complexo esportivo e para alavancar o futebol amador.

Leonidas Amorim
Leonidas Amorimhttps://portalcidadeluz.com.br
Acompanhe nossa coluna no Portal Cidade Luz e fique por dentro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

GSI derrubou 13 drones suspeitos em eventos do presidente Lula

O evento que mais teve drones derrubados foi durante a caminhada do Dois de Julho, em Salvador (BA) O Gabinete...

Fuzil AR-15, reação de sniper e mais: veja os detalhes do atentado contra Donald Trump

Trump foi alvo de um atentado durante comício na Pensilvânia, no sábado (13). Atirador foi morto e teve amostras...

Secretaria da Saúde realiza ações em alusão ao Dia do Homem e do Motorista

Na programação constam atividades com ações de saúde, capacitação, distribuição de preservativos e ações educativas. A Secretaria de Estado da...

Inscrição para concurso da Justiça Eleitoral termina na próxima quinta-feira

As inscrições para o concurso unificado da Justiça Eleitoral estão abertas até quinta-feira, 18, às 18h. As inscrições para o...
spot_img

PRF registra aumento de 166% na recuperação de veículos roubados no Piauí

Somente neste ano, 170 veículos roubados, furtados, adulterados ou apropriados indevidamente foram recuperados no Piauí. Nos primeiros 10 dias de...

Piauí tem municípios com alerta de baixa umidade e de vendaval até 16 de julho

Com alerta amarelo estão 143 cidades, onde a previsão é de umidade relativa do ar variando entre 30% e...
spot_img

Posts Recomendados