CidadesFamosos repercutem anulação das condenações de Lula na Justiça

Famosos repercutem anulação das condenações de Lula na Justiça

-

spot_img

Muitos outros famosos comentaram a notícia. Entre eles, as cantoras Maria Rita e Duda Beat, o influenciador Felipe Castanhari, o cineasta Kléber Mendonça Filho e os ex-BBBs Rodrigo França, Hanna Khalil e Kerline Cardoso.

A notícia de que o ministro Edson Fachin, do STF (Supremo Tribunal Federal), determinou a anulação de todas as condenações proferidas contra o ex-presidente Lula pela 13ª Vara Federal da Justiça Federal de Curitiba, foi uma das notícias mais comentadas desta segunda-feira (8). E, claro, muitos famosos também quiseram dar os seus pitacos.

Foto: Amanda Perobelli/Reuters

Um dos mais animados foi o ator José de Abreu, 74. Ele publicou um vídeo estourando uma champanhe para comemorar. “Dia feliz! O Brasil vai ter o único estadista com capacidade para reconstruir o país destroçado”, escreveu na legenda.

O influenciador Felipe Neto, 33, também comentou a decisão da Justiça. Ele lembrou que, com isso, o ex-presidente volta a ser elegível e disse que, caso Lula concorra contra Jair Bolsonaro em 2022, deve votar no petista.

“Ah, mas, Felipe, você falou em dois mil e não sei quanto que entre Lula e Bolsonaro você teria que votar no Bolsonaro porque não vota em condenado por corrupção”, escreveu nas redes sociais, já antecipando que pode ser questionado por alguns seguidores. “Sim, migão, essa é a consequência de estudar e se informar: você muda de opinião”, afirmou. “Se até o STF mudou de opinião…”

Já o apresentador Luciano Huck, apontado por muitos como possível candidato nas eleições de 2022, não citou Lula. Porém, ele deu a entender que prefere que surjam outros candidatos.

“No Brasil, o futuro é duvidoso e o passado é incerto”, filosofou. “Na democracia, a Corte Suprema tem a última palavra na Justiça. É respeitar a decisão do STF e refletir com equilíbrio sobre o momento e o que vem pela frente. Mas uma coisa é fato: figurinha repetida não completa álbum.”

Enquanto isso, o ator Bruno Gagliasso ficou perplexo com o fato de a Justiça chegar à conclusão de que aquele não era o foro adequado para julgar o ex-presidente. “Ah, então, cidadão, você ficou aí preso 500 dias e agora a gente descobriu que não era esse juiz que tinha que te julgar. Foi mal”, ironizou. “Inacreditável.”

Muitos outros famosos comentaram a notícia. Entre eles, as cantoras Maria Rita e Duda Beat, o influenciador Felipe Castanhari, o cineasta Kléber Mendonça Filho e os ex-BBBs Rodrigo França, Hanna Khalil e Kerline Cardoso.

DO FOLHAPRESS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Em meio à pandemia, cresce procura por microfranquias

Existem cerca de 600 redes de microfranquias no país e investimento para se tornar um franqueado chega até R$...

Wellington Dias prorroga medidas restritivas até o dia 18 de abril; veja o que pode funcionar

A novidade é que o toque de recolher será a partir de 22h. Na sexta (16), sábado (17) e...

Senador Ciro Nogueira vai propor inclusão de governadores e prefeitos na CPI da Covid

O presidente do Progressistas, senador Ciro Nogueira (PI), disse nesta sexta-feira, 9, que vai sugerir aos colegas senadores que...

Quanto tempo dura a proteção das vacinas contra a Covid-19?

Pesquisadores analisam o comportamento da imunidade nos vacinados e estão verificando que as vacinas seguem protegendo quem já tomou....
spot_imgspot_img

Saiba como denunciar agressões contra crianças; em 2020, foram 95 mil casos

Segundo o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, entre 80% e 90% dos casos de violência...

“Bolsonaro é forte candidato a ser o 1º presidente a não se reeleger”, diz Flávio Dino

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PC do B), avalia que o presidente Jair Bolsonaro enfrenta o seu pior...
spot_img

Posts Recomendados