Gestores de órgãos municipais de Floriano destacam que donos de terrenos baldios são responsáveis pela limpeza

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

O encontro contou com a presença da secretária de saúde, Caroline Reis, Haila Oka, meio Ambiente, Lourenço Cruz, infraestrutura e da ouvidora Marinete Rodrigues

Na manhã de ontem, dia 11, a Secretaria Municipal de Saúde de Floriano sediou uma reunião de extrema importância para o enfrentamento da dengue na cidade. O encontro contou com a presença dos dirigentes da Secretária de Saúde, Secretária de Meio Ambiente, Secretário de Infraestrutura, Ouvidoria Municipal, Tales Rodrigues, Diretor do Centro de Zoonoses, Daniela Braglia, Diretora da Vigilância Sanitária e Vicente Pimenta, Fiscal de Postura do Município.

A pauta principal foi a elaboração de um plano de ação integrado para mobilizar os donos de terrenos baldios a realizarem limpeza em seus lotes. Esses locais podem conter focos do mosquito transmissor da dengue. De acordo com o Código de Postura do município, Art. 25 a Lei 12/19, é de responsabilidade destes fazer a limpeza regular desses locais. 

Caroline Reis destacou a importância de uma abordagem intersetorial, ressaltando que a luta contra a dengue é responsabilidade de todo esse eixo. “Precisamos da colaboração de todas as secretarias e da comunidade. Somente com um esforço conjunto poderemos reduzir significativamente os casos de dengue em Floriano”, afirmou a secretária.

Haila Oka, Secretária de Meio Ambiente, propôs o fortalecimento das campanhas de conscientização sobre a importância de eliminar os focos de água parada. “A participação da população é crucial. Vamos intensificar as ações educativas nas escolas e comunidades, para que todos saibam como contribuir para a prevenção”, disse Haila.

O Secretário de Infraestrutura, Lourenço Cruz, reforçou que o mutirão de limpeza, que já está sendo realizado, é uma importante ferramenta no combate ao Aedes, mas que a população também deve ficar atenta aos terrenos baldios e realizar a limpeza periódica deles. “Identificamos locais com maior incidência de focos do mosquito e vamos priorizar essas regiões. Além disso, a manutenção regular dos terrenos privados devem ser reforçadas e, isso é de responsabilidade dos proprietários conforme determina o art. 25 da Lei 012/2019 (Código de Posturas).” , explicou Lourenço.

A Ouvidora Marinete Rodrigues enfatizou que as denúncias da população, principalmente a respeito de terrenos baldios, estão sendo identificadas e, que os respectivos proprietários serão notificados.

A secretária Caroline Reis expressou otimismo em relação ao plano de ação e ressaltou a importância do engajamento de todos os setores e da população. “Estamos unidos e comprometidos em vencer essa batalha contra a dengue. Com a colaboração de todos, vamos proteger a saúde do Florianense”, concluiu.

Leonidas Amorim
Leonidas Amorimhttps://portalcidadeluz.com.br
Acompanhe nossa coluna no Portal Cidade Luz e fique por dentro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Já pode experimentar a próxima grande atualização do iPhone

O iOS 18 já se encontra disponível para quem quiser experimentar algumas das novidades A Apple lançou oficialmente a versão...

Brasil bate recorde em número de casos de stalking contra mulheres por dia em 2023

Entre 2022 e 2023, o número de casos de stalking no país aumentou 34,5%, passando de 57.294 para 77.083 Em...

Maranhense Rayssa Leal busca 2ª medalha olímpica com irmão de criação

A skatista brasileira gosta de dizer que o Felipe Gustavo é um irmão de criação: ‘Bem mais que só...

Governo do Estado já entregou mais de 130 equipamentos de imagem para hospitais do Piauí

A ação faz parte do processo de modernização dos hospitais estaduais e regionais. O Governo do Piauí, por meio da...
spot_img

No Piauí, TSE revela que estado terá 2,6 milhões de eleitores e mulheres continuaram decidindo eleição

O primeiro turno das eleições será no dia 6 de outubro. O segundo turno poderá ser realizado em 27...

Brasil suspende exportações de carne de aves e seus produtos

Medida preventiva foi tomada após confirmação de foco de doença no RS O Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) reviu...
spot_img

Posts Recomendados