CidadesEm menos de seis meses de gestão, prefeito Júnior...

Em menos de seis meses de gestão, prefeito Júnior Nato consegue restabelecer energia de prédios públicos de Jerumenha

-

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Vários órgãos municipais estavam há anos sem energia elétrica por conta de débitos acumulados de gestões anteriores. Incluindo sede da prefeitura, secretarias, CRAS, casa de força de poços tubulares na zona rural entre outros.

A equipe de reportagem do Portal Cidade Luz entrou em contato com o prefeito Júnior Nato na tarde desta sexta-feira (11), e ele informou que prédios estavam há anos sem energia elétrica por conta de débitos acumulados de gestões anteriores. E através de liminar favorável ao município, alguns já tiveram a energia religada neste 11 de junho.

Equipe comemora o retorno da energia nos prédios

Segundo ele, isso era um grande incômodo, já que os principais setores da administração não poderiam funcionar em suas sedes próprias, por falta de energia. Por exemplo: PREFEITURA, SECRETARIAS, CRAS, CASA DE FORÇA DE POÇOS TUTULARES DA ZONA RURAL E OUTROS.

Júnior Nato também esclareceu que desde quando assumiu a gestão, em janeiro desse ano, tratou de sanar esse problema, que dificultava o trabalho de sua equipe administrativa e tentou negociar com a Equatorial Piauí, o débito segundo a empresa é superior a 6 milhões de reais. O que foi contestado, depois da equipe da atual gestão fazer uma avaliação minuciosa, com isso, resolveu judicializar o caso, para que fosse reexaminado o valor e parcelar de acordo com as condições do município. O prefeito acrescentou que esses prédios também passarão por reformas nos próximos dias. “Honramos nossos compromissos e isso será uma das marcas de nossa administração” disse Júnior.

Nossa equipe também conversou com o Procurador-Geral do Município, o advogado Renato Lustosa, que explicou sobre a decisão favorável a gestão. Renato disse que depois de várias tentativas de negociação com a Companhia Energética e alegando que eram prédios substanciais ao andamento da municipalidade, também foi solicitado que a Equatorial fizesse um novo levantamento do quadro energético dos prédios que pertencem ao município, além do consumo e valores, para serem negociados de forma justa. Caso a Equatorial não cumprisse a decisão judicial, a multa era de R$ 10 mil diários.

Renato Lustosa finalizou afirmando que o prefeito espera também que sejam religadas a energia da TORRE DE TV E DE QUADRAS DE ESPORTES.

Confira as imagens

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

Dr. Pessoa baixa decreto determinando retorno imediato das aulas presenciais em Teresina

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB), decretou o retorno imediato das aulas presenciais em todas a rede municipal...

Fiocruz reforça tendência de queda na ocupação de leitos da covid-19

Segundo Boletim Observatório, nenhum estado está na zona crítica. Com exceção do Espírito Santo e do Distrito Federal, onde foi...

Coordenadoria Estadual da Mulher e Prefeitura de Guadalupe informam serviços do Ônibus Lilás, no próximo dia 28

A Secretaria da Mulher e da Diversidade Sexual é parceira do evento, que acontecerá na terça-feira (28), às 8h,...

Campanha de vacinação de animais começa dia 25 de setembro

No Piauí há previsão é de vacinar 502.275 cães de 226.785 gatos. A campanha anual de vacinação antirrábica de 2021...
spot_img

Pré-candidato à presidência da OAB-PI, Dr. Carlos Júnior, foi recebido por advogados durante visita em Guadalupe

O pré-candidato à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil – secção Piauí, Dr. Carlos Júnior, esteve nessa última...

Nutricionista explica a importância da alimentação na depressão

Uma alimentação equilibrada e saudável não é apenas benéfica à saúde do corpo. Como aquele antigo ditado já diz,...
spot_img

Posts Recomendados